CONCURSO DE ESTUDANTES


Comissão

  • Luciana Schenk (IAU USP)
  • Marieta Cardoso Maciel (UFMG)
  • Andrea Rego (UFRJ)
  • Paulo Cássio Gonçalves (Fac. Integradas de Ourinhos)
  • Elizabeth Mie (FIAM-FAAM)
  • Maria Ester de Souza (Universidade Católica de Goiás
  • Alessandro Filla Rosanelli (UFPR)
  • Fernanda Rocha (UNIFOR)

Arquivos para download:

- Ficha de inscrição – com identificação do(s) integrante(s) e termo de autorização para publicação e divulgação do trabalho ( a ser disponibilizado ) 

pdf-download.png Modelo padronizado de prancha

pdf-download.png Edital do Concurso de Estudantes

pdf-download.png Ficha de Inscrição de Estudantes

pdf-download.png Termo de Autorização de Uso

O endereço para envio dos trabalhos é:

Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP - Departamento de Projeto/GDPA
Rua do Lago, 876 - Cidade Universitária - São Paulo - SP - CEP: 05508-080


Edital

TEMA

O Concurso Nacional para estudantes de Arquitetura e Urbanismo proposto pelo 4º Congresso Internacional de Arquitetura Paisagística tem como objetivo promover um amplo quadro, em diferentes escalas, da produção do campo disciplinar e afins, que tomam as questões da Paisagem como motriz, e como diretriz a temática que norteia o evento: “Cidade Acolhedora”.

Compreende-se a Cidade Acolhedora aquela que propicia qualidade de vida para o conjunto dos seus moradores e visitantes, independente de origem, renda, idade ou condição física. É uma cidade cujos espaços livres se relacionam enquanto sistema, podendo ser usufruídos por seus cidadãos, e onde as questões ambientais são premissas básicas e essenciais de suas Políticas Públicas, processos de Planejamento e Projetos.

Para que esse acolhimento se dê de modo irrestrito se faz necessário atender à diversidade social, cultural e funcional, respeitando e estabelecendo diálogo entre os inúmeros participantes e ambientes. A arquitetura paisagística não tem condições de, individualmente, fornecer todas as soluções para a construção dessas cidades, mas em acordo com seu campo de atuação, que propostas podem trazer contribuições relevantes? 

OBJETO

Projeto de intervenção de espaços livres que tenham como pressupostos a inclusão da diversidade de pessoas e ambientes, bem como a transformação das cidades a partir das perspectivas que vem se consolidando como “acolhedoras”, e cujas questões ambientais tenham sido consideradas como ponto de partida, em nível de estudo preliminar.

INFORMAÇÕES GERAIS

Os trabalhos desenvolvidos devem ser apresentados em nível de Estudo Preliminar. A apresentação do trabalho deverá seguir rigorosamente as dimensões e a formatação definidas pela Comissão Organizadora do Concurso.

O projeto deverá ser apresentado em um painel seguindo o padrão (90cm de largura x 160 cm de altura – com lado maior na vertical). O painel não poderá conter qualquer outro elemento que permita identificar seus autores, sob pena de desclassificação.

A inscrição para o concurso é feita automaticamente com o envio do trabalho + ficha de inscrição. Pelo menos um dos autores deverá estar inscrito no congresso. Será enviado um e-mail de confirmação da inscrição num prazo de até 48 horas após o recebimento da ficha de inscrição devidamente preenchida, considerando dias úteis. A inscrição no Concurso (equipe ou individual) não credencia o(s) integrante(s) não inscritos no congresso a participarem das demais atividades contidas na programação do evento.

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

  1. Adequação ao tema proposto;
  2. Conceituação geral;
  3. Relação conceituação-proposição;
  4. Criatividade da proposta;
  5. Inovação na abordagem;
  6. Organização e clareza da representação;
  7. Detalhamento das soluções adotadas;

PARTICIPAÇÃO

Alunos regularmente matriculados nos Cursos de Graduação em Arquitetura e Urbanismo.

Alunos formados que apresentaram TFG -Trabalho Final de Graduação ao longo do ano de 2015.

Os trabalhos podem ser individuais ou em grupo de até cinco alunos.

PREMIAÇÕES

Os Projetos podem ser inscritos em duas categorias:

  • Trabalho Final de Graduação (individual - o trabalho deve ter sido apresentado durante o ano de 2015)
  • Trabalhos disciplinares (grupo de até cinco estudantes)

A escala de abrangência dos projetos inscritos deverá ser distinguida por ocasião da inscrição:

  • intervenção com abrangência de lote ou quadra;
  • intervenção com abrangência de bairro;
  • intervenção com abrangência Municipal ou Metropolitana;

Serão premiadas as duas categorias, em cada uma das escalas de intervenção proposta.

Os vencedores receberão certificados, livros e outros prêmios oferecidos pelos patrocinadores. Os trabalhos serão publicados eletronicamente no  site ABAP e participarão de mostra na atual sede da Associação Brasileira de Arquitetos Paisagistas no Edifício do IAB-SP.

COMISSÃO JULGADORA:

  • Alessandro Filla Rosanelli (UFPR)
  • Andrea Queiroz Rego (UFRJ)
  • Elizabeth Mie (FIAM-FAAM)
  • Fernanda Rocha (UNIFOR)  
  • Luciana Schenk (IAU USP)
  • Marieta Cardoso Maciel (UFMG)
  • Paulo Cássio Gonçalves (Fac. Integradas de Ourinhos)